Avançar para o conteúdo

Como Vender no Mercado Livre!

COMO-VENDER-NO-MERCADO-LIVRE

Como Vender no Mercado Livre, é uma das perguntas mais feitas no Google. Isso porque o mercado livre é a plataforma que mais tem colaboradores que trabalham vendendo produtos de todos os tipos no marketplace.

Através do mercado livre, é possível vender de tudo, seja para ter uma renda extra ou até mesmo para quem quer viver só disso. Aprender como vender no Mercado Livre não tem segredo, e fazendo tudo certo, você aumentará suas chances de vender.

Mas para isso, é importante saber como vender no mercado livre. Por isso, hoje preparamos algumas dicas muito úteis para quem deseja iniciar no ramo. Primeiro, você vai precisar fazer o cadastro na plataforma. Isso é bem fácil, veja a seguir.

Como fazer o cadastro no mercado livre?

Primeiramente, você vai precisar fazer um cadastro de vendedor. Você vai encontrar algumas opções. Veja qual se adequa a você, como pessoa física, MEI ou CNPJ. Essa parte é totalmente gratuita. Por isso, a plataforma do mercado livre é muito usada por ser democrática.

Existe algum custo?

Depende muito do que você vai querer fazer. Por exemplo, os anúncios que podem chegar a milhares de pessoas são pagos, mas também dão muito retorno, Isso porque é mais fácil chegar a quem realmente tem interesse no seu produto.

Porém, é necessário saber um pouco mais e também investir um determinado valor para alcançar bons resultados.

como-vender-no-mercado-livre

Precisa emitir nota fiscal?

A resposta varia, porque existem algumas restrições que você precisa saber. Por exemplo, a pessoa física que não possui empresa, não tem obrigação de emitir notas fiscais, desde que o valor arrecadado mensalmente não ultrapasse 12.000.

Mas se isso acontecer, será solicitado os seus dados. Outra restrição, é se caso você usar o Mercado Coletas, um serviço cedido pelo mercado livre na qual a transportadora exige nota fiscal para fazer as entregas.

Tenha boa reputação para vender no mercado livre

O Mercado livre classifica seus vendedores por um sistema de reputação.

É uma espécie de classificação indicada por cores: vermelho, laranja, amarelo, verde claro e verde escuro.

Sendo que, anúncios em vermelho e laranja, possuem baixo alcance. Isso quer dizer que poucas pessoas vão ver, logo suas vendas serão comprometidas.

Por isso, é muito importante ter a sua reputação com status em verde claro e verde escuro. Assim, o seu anúncio será muito visto, e suas vendas serão garantidas. 

O que é o mercado Lider e como usar a seu benefício?

O Mercadolíder fica responsável pela classificação dos vendedores com melhor reputação. Se você foi classificado entre os Melhores, ganhará a medalhinha verde, o que significa que oferece um serviço de ótima qualidade.

Isso não quer dizer apenas que o seu produto é bom, mas sim que toda a estrutura é satisfatória, desde o atendimento à  entrega. Ou seja, os vendedores classificados são aqueles que oferecem melhor experiência para o usuário.

Como vender no mercado Livre: Saiba o que mais vende no mercado livre

Antes de começar o seu empreendimento, vale a pena saber o que mais vende na plataforma, se caso você ainda não tiver definido o que quer vender, aqui está uma lista dos produtos.

  • Celular
  • Eletrodomésticos
  • Semi joias
  • Maquiagem
  • Produtos de higiene pessoal
  • Produtos para salão de beleza
  • Roupas em geral
  • Acessórios para sexy chopp
  • Arte e papelaria
  • Produtos e suplementos esportivos

Cadastre o seu produto

Depois de ter escolhido o que quer vender, você vai precisar fazer um cadastro e também um anúncio. Para isso, você vai clicar “vender” que está na tela inicial. Esse cadastro deverá ser feito quando você já estiver logado no site.

Depois você vai cadastrar os seus produtos, assim vai criar um anúncio de vendas. Outras sugestões para você poder vender melhor, estão a seguir.

Crie bons títulos 

O título será a primeira coisa que o seu cliente vai ver. Por isso, ele precisa ser atraente o suficiente para o usuário querer ao menos ver o produto. Se ele não comprar no momento, provavelmente irá comprar mais tarde.

Isso irá ajudar o mecanismo de busca a deixar o seu anúncio em destaque. Entretanto, evite títulos estranhos, compridos ou muito extravagantes, pois isso tira o ar de profissionalismo e dificulta a busca.

Como Vender no Mercado Livre: Imagem

Uma imagem fala muito, ainda mais quando  tem boa qualidade e mostra o produto inteiro, nos mínimos detalhes. Isso é muito relevante, quando se trata de vendas pela internet, pois muitos compradores desistem de comprar, exatamente porque não conseguem ver direito como é o produto. Tire fotos do produto original, e com boa iluminação.

Evite as fotos de produtos que você não tem em estoque. Como por exemplo, se você tem em estoque uma impressora na cor preta, não é interessante e nem profissional colocar a foto de uma impressora na cor branca, dando a entender que você possui o produto. Isso não é confiável e pode manchar a sua reputação. Veja a seguir, outros requisitos para imagem.

  • O fundo da imagem precisa ser branco e liso
  • Não pode ter bordas ou desenhos
  • Não pode ter marca d’água
  • Ter de 1200 a 1900 pixels para que o comprador possa ampliar
  • Mostrar um produto de cada vez
  • Ter fotos de todos os ângulos

Descrição do produto

A descrição do produto deve ser bem clara e objetiva. Detalhes como, funções e tamanho, informam o comprador e o deixa seguro para fazer a compra.

Preço

Faça sempre o cálculo com cuidado e mantenha o preço sempre parecido com o da concorrência. Não faça preços muito altos para não afugentar os clientes, e nem preços muito baixos para não ficar no prejuízo.

Aproveite para oferecer boas promoções aos clientes, sempre que possível. E lembre-se, o mercado livre oferece a estrutura pronta para você vender, então nada mais justo do que dar uma porcentagem do que você ganha para a plataforma.

Isso é obrigatório para quem quer vender no Mercado Livre.

Outra coisa importante, é que você vai precisar incluir o valor do frete no preço do produto.

Estoque

Primeiramente, não é aconselhável vender produtos sem ter estoque. Por que  essa é uma modalidade que pode gerar atrasos na entrega, e isso pode não ser bom para a sua reputação.

Os clientes insatisfeitos  reclamam na plataforma e isso vai gerando uma classificação negativa com o tempo, e consequentemente os seus anúncios vão aparecer menos.

Mas ainda sobre os estoques, quanto mais você tiver produto estocado, mais chances tem do seu produto aparecer para quem está procurando.

Além disso, é essencial deixar claro o número real do estoque. Caso contrário, irá gerar uma frustração em seu possível cliente. Seja sempre honesto, isso gera confiança e faz com que ele sempre procure pelos seus produtos.

Vender no mercado livre é sobre a  boa experiência do usuário. Quanto mais você oferecer boa experiência, maiores serão suas vendas.  

Formas de pagamentos

Como Vender no Mercado Livre? Eis que o momento mais aguardado chegou. A hora que o cliente já se decidiu e quer mesmo comprar o seu produto. Ao vender pelo mercado livre, você terá acesso ao mercado pago.

Uma das plataformas mais usadas para fazer pagamentos em marketplace. Isso facilita muito a finalização da compra e diminui drasticamente o abandono de carrinho. O mercado pago, é bem fácil de usar.

Ainda possui outros mecanismos para o usuário fazer o pagamento como:

  • pelo app no celular
  • QR code
  • Pagamento pelo site
  • Link de envio por email 

Outra vantagem para o usuário, é que o dinheiro fica retido até a confirmação da entrega. Isso é muito seguro, até para o vendedor. Mas até então, você ainda não terá pago absolutamente nada para a plataforma.

Isso irá acontecer por causa do tipo de comissionamento. Assim, você só será cobrado após realizar as vendas no Mercado Livre.

O valor da comissão, será repassado para a plataforma, e em seguida você receberá o seu dinheiro, já com a comissão descontada.

Como Vender no Mercado Livre: Divulgue os produtos em sua redes sociais

Uma das vantagens mais convenientes para os vendedores do mercado livre, é que o link de compras pode ser divulgado em todas as redes sociais sem restrições. Isso poderá ser usado  como uma espécie de estratégia.

E quanto mais for divulgado, mais chances tem do seu produto ser vendido. Outra estratégia, é pegar os comentários positivos sobre o seu produto e divulgar como depoimento nas redes sociais. Faça conteúdos atrativos e incentive o público com a sua marca.

.

Com uma ação de marketing de conteúdo bem estruturada e chamadas claras para ação, os consumidores poderão ir direto da sua rede social para o Mercado Livre, onde irão finalizar a compra!

Leia também: Como vender mais no Mercado Livre? Aumente o seu faturamento!

Por fim, conquiste sua medalha como líder

Como dito anteriormente, existe uma classificação que identifica os bons vendedores. Ela só é ativada depois que você tem 10 vendas confirmadas e, à medida em que vai vendendo mais e oferecendo um bom serviço, te oferece uma pontuação que vai do vermelho ao verde.

Por que isso importa?

Para vendedores sérios e que querem viver só das vendas geradas pelo mercado livre, ter a classificação em  verde significa muito. Isso porque o verde é um selo de bom vendedor, o que te ajuda a ter destaque nos anúncios dentro da plataforma.

Para responder essa pergunta Como Vender no Mercado Livre ainda precisamos saber.

Já o vermelho significa que é um vendedor ruim, e sua reputação irá te seguir. Ou seja: seus anúncios não vão ter bom destaque e os clientes dificilmente irão fechar vendas.

Além disso, isso significa que você terá que fazer sérias mudanças se não quiser fazer apenas uma renda extra. Com a  pontuação em vermelha, dificilmente conseguirá uma Medalha de MercadoLíder, que é um “prêmio” oferecido aos melhores vendedores da plataforma. 

Vale a pena vender no Mercado Livre?

Como Vender no Mercado Livre:

Por mais que essa resposta não seja assim tão evidente, afinal, vai depender do momento em que a sua empresa se encontra, há  alguns dados interessantes:

O Mercado Livre é hoje o maior marketplace do país além de ser a companhia mais valiosa da América Latina.Ele é um shopping virtual com todo tipo de produto que você possa imaginar e recebe milhões de visitas todo mês.

As pessoas que entram por lá, normalmente já querem comprar algum produto. O Mercado Livre é simplesmente uma das melhores formas para validar um produto na internet.Todas essas razões tornam evidente o fato que vale muito a pena vender no Mercado Livre.

Mas é claro que nem tudo são flores e existem algumas desvantagens também como, por exemplo:

A sua marca não fica em evidência e sim o produto e o site. O que significa que o nome da sua loja acaba ficando em segundo plano, o que faz os clientes associam a compra ao nome “Mercado Livre” e não ao da sua empresa;

Você fica dependente do Mercado Livre e se ele decidir aumentar as taxas ou mudar suas políticas, você não tem controle sobre isso.

De todo modo, se você está começando a sua jornada no Ecommerce, o Mercado Livre é certamente a melhor escolha para você. Por isso, vale a pena investir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.