Avançar para o conteúdo

Gestão de redes sociais: O que você precisa saber para ter sucesso

Gestão de redes sociais (3)

Como cuidar da gestão de redes sociais da sua empresa

Gestão de redes sociais
Gestão de redes sociais

Não podemos começar esse conteúdo de outra forma: gestão de redes sociais não é para amadores. O famoso “meu sobrinho também sabe de redes sociais” ou “encontrei um aplicativo que faz isso automaticamente” é que mais se ouve por aí!

Entretanto, a gestão de redes sociais de uma empresa é algo sério, que exige estudo e dedicação, podendo ser a grande responsável para o sucesso ou fracasso de uma empresa.

Boas estratégias devem ser as maiores aliadas para que os objetivos de um negócio sejam alcançados. E não, não estamos falando apenas de publicações com fotos bonitas e textinhos receptivos. Estamos falando de análise de dados, produção de conteúdo direcionado, planejamento e muito mais!

Portanto, se você está disposto a cuidar da gestão de redes sociais da sua empresa e colher bons frutos, continue lendo as próximas linhas e gire a chave para grandes resultados.

O que é gestão de redes sociais?

Não podemos ir a fundo a assunto sem antes explicar o principal: o que é gestão de redes sociais. Inclusive, se engana quem pensa que essa atividade se resume apenas a publicar conteúdos regularmente nas plataformas de comunicação.

Apesar de parecer um processo simples: fazer posts e publicá-los com frequência, existem muitas etapas que devem ser seguidas para que um perfil alcance o sucesso. E elas não ficam visíveis aos olhos do público.

Por isso, podemos dizer que a gestão de redes sociais é uma série de estratégias de marketing que visam atrair o público exato e atingir o objetivo de uma marca. Mas, calma aí! Não confunda estratégias com métricas de vaidade que, no final, não são o real combustível para o seu negócio.

Apesar do número de likes, comentários e visualizações serem importantes e mostrarem a construção da marca, eles sozinhos, sem nenhuma estratégia, não fazem qualquer sentido.

Por que uma boa gestão de redes sociais é tão importante?

Então, pensando nos pontos destacados anteriormente, entramos em uma importante questão: por que garantir uma boa gestão de redes sociais é tão importante? Existem várias respostas para essa pergunta, mas uma que podemos destacar é a competição.

As redes sociais estão disponíveis para todos e, por isso, encontramos perfis com diversos objetivos, sendo muitos deles comerciais, que buscam por crescimento. Mas esse crescimento não chega em um estalar de dedos e a única forma de ser destaque é fazendo uma boa gestão de redes sociais.

Nós, como usuários, precisamos de poucos cliques para encontrar uma variedade gigante de conteúdos novos diariamente. Então, pense como isso afeta a sua marca. Em um mar de conteúdos criativos, dinâmicos e atraentes, certamente garantir a atenção do público não é uma missão “mamão com açúcar”.

É essencial se planejar, entender onde você quer chegar e qual caminho seguir com suas publicações para ser bem reconhecido.

Como cuidar das redes sociais da sua empresa?

Então, entra em cena o próximo tópico: ações que podem ser feitas para melhorar as redes sociais da sua empresa. Sem ter uma estratégia bem definida, provavelmente sua rede social será apenas mais uma em meio a multidão, e não é isso que queremos né?

Por isso, os primeiros passos a seguir, são:

Defina sua persona

Quem você deseja atingir com sua gestão de redes sociais? Cuidado, pois confundir público-alvo e persona pode ser um tiro no pé. 

O público-alvo consiste em um grupo de pessoas que suas campanhas de marketing são direcionadas. Neste encontramos dados psicográficos e comportamentais, como hábitos e costumes do consumidor.

Já a persona é uma definição mais específica de quem representa seu real cliente. É um personagem semi fictício, criado considerando dados recolhidos por meio de pesquisas, ferramentas analíticas e conhecimento de mercado.

Muitas vezes, é possível criar uma comunicação dirigida mesmo sem falar especificamente sobre seu produto. Ou seja, você atrai sua persona, sem deixar de seguir aquilo que tem como objetivo.

Estabeleça os objetivos

E, por falar em objetivos, eles já estão bem definidos? Apesar de poderem variar, considerando sua estratégia e necessidade da sua empresa, eles são essenciais para que você trabalhe de maneira assertiva em suas redes. Existem ações específicas para cada meta e isso é algo que você deve lembrar.

Acompanhe as métricas

Vem cá, você já imaginou o que seria dos navegadores sem a bússola? Um grão de areia em meio ao oceano, certamente! Por isso, podemos dizer que, nas redes sociais, aqueles que não analisam os números também está perdido no meio do oceano.

E, mais uma vez, apesar de likes, visualizações e comentários serem essenciais, não estamos falando apenas deles! É preciso definir os indicadores-chave, popularmente conhecidos como KPI’s (Key Performance Indicator), que estão alinhados com os seus objetivos.

Imagine que você procura aumentar sua base de leads. Então, um engajamento alto não terá um valor tão relevante à sua meta. Assim, é importante pensar no objetivo central do negócio e não na rede social especificamente. Com isso, será possível deixar o ego um pouco de lado e chegar a números que realmente são relevantes.

Defina os canais

Redes sociais não faltam para trabalhar! Instagram, Facebook, Twitter, Pinterest, Youtube, WhastsApp, e ainda tem outras por aí. Cada rede tem sua peculiaridade e, por isso, é impossível afirmar que uma é melhor que a outra quando falamos em resultados para uma empresa.

Público, objetivo e momento são variáveis que devem ser consideradas. Portanto, vale ter noção de cada uma delas e entender quais são os propósitos de cada canal.

Saiba o que publicar nas redes sociais

Novas atualizações nas redes sociais não param de chegar e é importante se estar atento aos diversos formatos oferecidos. Mesmo quando dizem que algo “está em alta”, é preciso realizar testes para concluir que este trará os resultados que estão de acordo com os seus objetivos.

Geralmente, os formatos mais encontrados por aí, são:

  • Imagens;
  • Vídeos/reels;
  • Textos;
  • Links;
  • Montagens;
  • Enquetes e perguntas.

Crie um calendário editorial

Agora chegamos a ação de tudo o que antes foi dito! O calendário editorial é um material básico quando falamos em estratégias nas redes sociais. Ele deve conter as publicações que serão realizadas com datas, horários e outros detalhes relevantes.

E, por falar em horário, definir os melhores para o seu negócio é algo essencial! Apesar dos “horários de pico” serem os mais falados por aí, eles também demonstram uma maior concorrência e não podem ser considerados uma regra geral.

Por isso, é necessário fazer testes em horários distintos e analisar os resultados do alcance orgânico, engajamento e demais KPIs, para encontrar o momento ideal de postagem para o seu negócio.

Monitore e interaja com o público

Gestão de redes sociais

Os tópicos citados só farão sentido para o seu negócio se você os monitorar, buscando estar atento ao que está acontecendo e qual seu desempenho no dia a dia.

Normalmente, os resultados tendem a variar no curto prazo, tornando importante você estar atento às métricas e KPIs.

Além disso, busque formas de interagir com o público, evitando deixar de responder comentários ou stories, algo que pode causar a sensação de que o cliente está ficando de lado.

Quais cuidados sua empresa deve ter ao fazer uma publicação nas redes sociais?

Tendo em mente tudo o que você deve fazer para cuidar da gestão de redes sociais da sua empresa de maneira eficiente, é hora de entender o que você não deve fazer.

Para isso, separamos um belo check-list que, sem dúvidas, vale aquele print! Confira:

  • Evite a exposição de posição política e religiosa;
  • Não faça propagando de serviços ou produtos a todo momento;
  • Fuja de conteúdos irrelevantes para o seu negócio;
  • Evite usar sempre o mesmo formato de publicação;
  • Vídeos de má qualidade não são uma boa ideia;
  • Não use o mesmo conteúdo em todas as redes sociais;
  • Nunca copie conteúdos;
  • Não use memes o tempo todo;
  • Nunca esqueça de adotar um padrão nas postagens;
  • Por fim, cuidado com os erros de português.

Sempre preste atenção na qualidade

Hoje, todo mundo está nas redes sociais. É por isso que, a menos que suas postagens agreguem valor exclusivo ou se destaquem por algum motivo específico, elas provavelmente passarão despercebidas.

Portanto, se o conteúdo não agregar valor ou relevância, eles não alcançarão o alcance desejado.

Portanto, você precisa divulgar o conteúdo que vale a pena compartilhar. É inútil começar tudo sem o menor padrão.

Tenha em mente um cronograma de postagem correto

Não há tempo uniforme para postagens que se qualificam para um bom gerenciamento de mídia social. Nem é possível, pois o público-alvo varia de empresa para empresa.

Portanto, se você seguir os cronogramas recomendados e não monitorá-los, poderá estar perdendo.

Uma dica interessante é testar as postagens em horários diferentes. Uma vez feito, identifique quais dias e períodos geram mais engajamento e, finalmente, incorpore-os à sua programação regular.

Sempre faça networking

Os consumidores geralmente não interagem com sua marca de forma espontânea e sem motivação.

Nesse caso, existem milhares de conteúdo online não comercial para envolver ativamente e chamar a atenção. Se você deseja que clientes em potencial interajam com sua marca, tente iniciar uma conversa. Então interaja e faça networking.

Faça mudanças constantemente

Na dinâmica do mercado, os jogos podem se mover de um momento para o outro. Seus concorrentes podem ser mais rápidos, ou lançar uma campanha que leve seus clientes a outras possibilidades.

Além disso, o comportamento e as atitudes de seu público-alvo podem evoluir com seus concorrentes, e o mercado pode experimentar volatilidade, fazendo com que seu negócio enfrente contratempos.

Cada uma dessas situações exigirá que você recalibre suas estratégias de comunicação e marketing. É por isso que é recomendável que você preste muita atenção e revise regularmente seu plano de gerenciamento de comunicação e mídia social.

Chame atenção para seu site

Ao planejar seu conteúdo, lembre-se de focar no objetivo de aumentar o tráfego do site. O que importa é o local e o contexto em que você vincula seu conteúdo.

Não ignore o conteúdo visual ao usá-los. É até divertido vincular vídeos do YouTube ou fotos do Instagram para complementar as informações de maneira dinâmica e atraente.

Tenha sua própria forma de falar

Como humanos, não podemos deixar de amar contar histórias.

Por exemplo, você pode compartilhar histórias de sucesso de clientes ou funcionários em seu mural do Facebook. Essa rede social costuma ser ótima para postagens longas e narrativas.

Sempre fale sobre seu tema

Para construir uma comunicação forte nas redes sociais, foque em nichos de mercado, desenvolva ações mais confiantes e converse com as necessidades do seu público-alvo.

Nesse caso, é imprescindível reunir o máximo de dados possível sobre as personas dos potenciais compradores que utilizam seu serviço para definir fatores como os melhores canais de comunicação, tom de abordagem etc., para captar a atenção dessas pessoas.

Seja leve

O humor pode ser uma excelente ferramenta de gerenciamento de crises. Métodos mais fáceis e divertidos são ótimos para conquistar públicos que geralmente não são interativos.

Por exemplo, algumas marcas usam esse ardil para tentar aliviar suas emoções quando enfrentam problemas estressantes, e é uma ótima maneira de quebrar o gelo ao lidar com clientes ou fãs irritados.

Interaja nos stories

Concursos e enquetes são ótimos para obter exposição nas mídias sociais. Ofereça brindes legais e crie regras de concurso para ajudá-lo a obter mais exposição e conversões.

Por exemplo, o Twitter facilita a criação de pesquisas. Além do acima, você também pode criar pesquisas humorísticas ou qualquer outro truque criativo e envolvente que vier à mente!

Tenha feito um planejamento de imagem

O que você deve lembrar desta vez é como investir seu dinheiro com sabedoria. Se você está começando, talvez precise reservar parte do seu orçamento para campanhas de captação de fãs, ou se produz muito conteúdo em um site ou blog, aposte em campanhas de cliques em sites para que o público tenha acesso a isso. .

O mais importante: classificação e estratégia. Tenha objetivos claros com a equipe de mídia, reserve um tempo para garantir que você esteja atingindo seu público-alvo e meça! Mídia e moderação andam de mãos dadas.

Chegou a hora de você se comprometer com a aparência de suas redes. Aproveite o tempo para transformar seu manual de branding em gerenciamento de mídia social.

A identidade virtual deve ser consistente com as etapas anteriores. Se antes disséssemos que deveríamos pensar a marca como uma pessoa, com personalidade, como ela se vestiria? Qual é o estilo dele?

“Vista” suas redes com seu rosto não só no avatar e na capa, mas no post, principalmente. É importante ter o seu rosto para que as pessoas chamem a atenção e saibam qual é o seu nome. O Nubank (e todo o seu conteúdo roxo) usa isso muito bem.

Além disso, use recursos de rede nativos para envolver seu público. Por que não fazer um filtro personalizado do Instagram? E que tal ter adesivos com a cara da sua marca? Tudo isso faz parte da criação desse signo visível.

Acompanhe as métricas

Quer saber se suas estratégias estão alcançando o resultado esperado? Acompanhe as métricas. Eles mostram o desempenho de forma mais clara e permitem identificar quaisquer pontos de melhoria e quais ações você obtém melhor. Entre alguns exemplos, podemos contar:

  • dias e horários em que as postagens têm mais interação;
  • aumento de seguidores após determinada campanha;
  • aumento das vendas após a promoção do livro.
    A partir daí, fica mais fácil avaliar a necessidade de rever estratégias (e alterar o plano de ação) ou mesmo objetivos (que podem não ser realistas no contexto em que o negócio está inserido).

Encontre leads

Também é possível encontrar soluções que permitem captar leads através de landing pages. Dessa forma, você obtém dados valiosos sobre seu público, que podem ser usados ​​para diferenciá-lo, enviar promoções personalizadas ou até mesmo expandir sua estratégia digital com e-mail marketing.

A melhor ferramenta é aquela que se adapta às necessidades do seu negócio, fornecendo a funcionalidade que você precisa para fazer um bom trabalho. Existem opções gratuitas no mercado, mas elas vêm com funcionalidade limitada e podem não ser suficientes para ajudá-lo a desbloquear todo o potencial de suas redes.

Enfim, com essas informações, cuidar da gestão de redes sociais do seu negócio será algo muito mais assertivo e os resultados, certamente, serão vistos. Quer mais

dicas para garantir o sucesso da sua empresa no ambiente online? Confira nossos demais conteúdos e fique de olho para não perder nada de novo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.